ARTIGO

A saúde renal

Autor: Administrador | Data: 10/12/2018

Os excretas nitrogenados são produtos das reações do metabólicas que popularmente são intituladas impurezas sanguíneas resultantes nos processos alimentares, que todavia necessitam ser eliminadas através da função excretora desempenhada pelos rins. A injúria renal oriunda dos hábitos rotineiros que agridem os rins, sendo estes basicamente rechaçados aos hábitos alimentares à orientação dietoterápica protetora das funções metabólicas dos rins que devido a associação ao quadro crônico de doenças tratáveis como a hipertensão e diabetes potencializam em muito a comorbidade renal. Para tanto atentar quanto aos níveis pressóricos e glicêmicos é de fundamental importância para a manutenção dos rins que corroboram para a homeostase corporal. Portanto a atenção ao controle moderado do uso de sal e açúcar nas refeições ou aqueles indivíduos que já são portadores de hipertensão arterial sistêmica e diabetes que necessitam manter controle rigoroso quanto a dieta, hábitos saudáveis e atividade física, bem como acompanhamento rotineiro no programa de saúde na estratégia de saúde da família mais próxima de sua residência com o objetivo de evitar o comprometimento das funções desempenhadas pelos rins. 

Fortalecer a vinculação do cliente ao PSF é de prioridade essencial para a prevenção a doença renal, pois dentro da estratégia se encontra um leque variado de opções que vão da promoção a prevenção a saúde, a saber as consultas médicas para definição do diagnóstico, as consultas de enfermagem para acompanhamento e suporte na propedêutica com foco na prevenção de danos, bem como a orientação nutricional, suporte laboratorial e referenciamento para a média complexidade quanto assim for necessário. Nessa perspectiva, um dos grupos prioritários de atenção são os idosos vinculados aos programas de saúde, sendo uma das preocupações do serviço atuar na prevenção e identificação a doença renal com o viés do uso de aminoglicosídeos e AINES como por exemplo, pois ambas categorias de fármacos podem lesar a função  renal e todavia como consequência quase geral na senilidade a problemática do quadro álgico leva concomitante uso de medicamentos para o controle da dor, sendo muitas vezes realizado sem orientação médica e adquiridos sem restrição.


notification notification